quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

O ano começa com "A Idade do Ouro"




Quando comprei "A Idade do Ouro" de John C. Wright, saiu em Agosto de 2004  e naqueles dias eu comprava os livros mal saiam, esperava lê-lo de uma assentada, mas ao final de "meia dúzia" de paginas já me tinha "perdido". Coloquei-o na estante para nunca mais lhe pegar, mas nunca o esqueci. Esperei até agora para voltar a tentar e porquê? Bem estou mais velho e sábio nestas lides. Nos (quase) dez anos que entretanto se passaram li muito e muito evolui portanto vamos lá ver como vai ser.
Neste hiato de tempo acabei por comprar os restantes dois livros da trilogia, "A Fénix Exultante" e "A Grande Transcendência" e o seu autor caiu em "desgraça" devido à sua polémica mudança de ateu para fervoroso religioso devido a uma experiência de quase-morte.

Quanto ao resto do ano e à laia de antevisão este vai ser um ano de muitas trilogias a começar com esta e avançando para a trilogia "O Quarto Mundo" de John Twelve Hawks, constituida por "O Viajante", "O Rio Negro" e "A Cidade Dourada" e "Os Jogos Da Fome" de Suzanne Collins depois de ver os dois primeiros filmes e de ter lido tantas opiniões favoráveis lá me "rendi". Conto também ler algumas antologias de Ficção Científica e Fantasia como "Por Universos nunca dantes Navegados" e o "Mensageiros das Estrelas". E para finalizar espero ler um clássico de que todos falam muito bem "Os Despojados" da grande Ursula K. Le Guin agora que finalmente consegui encontrar o segundo volume que à muito me fugia.

E para começo de ano já me parece muito bastante ambicioso.