quarta-feira, 1 de maio de 2013

Opinião - Urbania de Carlos Silva


Urbania é um romance de Carlos Silva no género da Fantasia. O livro é constituído por vários "mosaicos" onde vamos conhecer um conjunto de personagens que formaram o painel completo que é a história. Não será exagero dizer que a personagem principal deste livro é Urbania, mas Urbania não é uma pessoa, mas uma cidade, uma cidade que se move e que todos os dias destrói um parte de si apenas para outra parte renascer qual Fénix das cinzas. É neste movimento perpétuo que vivem os seus habitantes e que por ele regem as suas vidas. No seu percurso por vezes Urbania cruza-se com as cidades estáticas (as nossas) e quando as condições são as correctas as pessoas de lá podem vir visitar a nossa cidade e vice-versa. É assim que se conhecem Hugo e Inês, juntos vão dar inicio a uma mudança em Urbania que poderá ser o seu fim. 

Esta foi uma história que me agradou bastante e muita da culpa deve-se a uma ampla "mitologia" que o autor criou e conjugou e que bem merecia ter sido mais explorada, ou então de outro livro para o fazer. Desde o Caçador de Sonhos passando pelo Povo das Brumas à ciência da semioticologia, todos estes elementos conjugam-se para criar um magnifico cenário e este é certamente o ponto mais forte deste livro. 

A história tem um começo algo confuso, muito por culpa da narrativa em "mosaico", aliás acho que o livro só ganharia se a narrativa fosse contínua, dar-lhe ia não só um outro ritmo como ao leitor uma outra percepção. Ao longo do livro a história é contada com o recurso ao ponto de vista de diferentes personagens e embora todas se cruzem de modo directo ou indirecto a verdade é que as mudanças "repentinas" podem deixar alguns leitores um pouco "zonzos". Para esta narrativa em "mosaico" resultar será preciso o autor "poli-la" melhor. 

O autor confundiu-me (bastante) ao falar de Lobos e "olhares Lupinos" e com outras expressões que dão a entender que estava perante lobisomens quando tal não é de todo o caso. O autor alcunha alguns personagens como Lobos, símbolos de mudança, mais tarde percebi as intenções do autor, mas o mal estava feito e a confusão instalada.

A Simbologia é um tema de fundo neste livro, mas é preciso que o leitor entenda do que se fala, se não a frustração levará a melhor. Neste aspecto devo dizer que o autor esteve bem, explicando os símbolos que utiliza, embora existam alguns pontos onde poderá melhorar, não deverá nunca assumir que o leitor sabe automaticamente o que quer dizer.

Outro aspecto a ter em atenção, e isto serve para todos os autor desse lado, é a revisão, ainda foram  alguns os erros com que me deparei, e se alguns podem ser explicados pela conversão do texto nos vários formatos em que está disponível a verdade é que isso não os explica a todos.

Em conclusão um bom livro que vale a pena, apesar dos pontos menos positivos que aponto, pelas muitas e boas ideias que explora.

Este livro pode ser encontrado no site do Smaswords neste link: Urbania de Carlos Silva.